Processo de Diploma

Para a emissão do diploma pela UFRJ, alguns procedimentos devem ser seguidos rigorosamente pelos alunos, como, por exemplo, a entrega de todos os documentos necessários à abertura do Processo de Diploma.

Se, no ato da entrega dos documentos ao Setor de Diplomas da Escola Politécnica, o aluno não apresentar um ou mais dos documentos exigidos ou estiver impossibilitado de tal apresentação, o requerimento ficará retido até que a pendência seja solucionada, podendo vir a ser arquivado se a solução não for dada num prazo razoável.

Devido a excepcionalidade da mitigação dos atendimentos presenciais decorrentes da pandemia de COVID-19, o aluno da Escola Politécnica que se inscreveu para a colação de grau deve dar entrada no pedido de emissão de diploma, a partir da inclusão das informações e do upload dos documentos oficialmente requeridos pela UFRJ através do preenchimento do formulário abaixo:

Setor de Diplomas – Documentação para abertura de processo

Atualmente, na Escola Politécnica, a requisição do diploma é realizada no ato da inscrição para a Colação de Grau. Entretanto, os trâmites do Processo de Diploma serão iniciados somente após a efetiva realização da Colação, desde que a documentação enviada esteja correta.

Salientamos que todas as cópias (frente e verso) requeridas deverão ser devidamente autenticadas em cartório, devido à necessidade do reconhecimento de originalidade imposta pelo processo oficial e a impossibilidade de ser feito presencialmente por funcionário público (“fé publica”).

Em caso de dúvidas, favor escrever para diploma@poli.ufrj.br.

Informamos que somente serão cadastrados e-mails @poli.ufrj.br.

Documentos necessários:

Cópias autenticadas ou Originais e Cópias legíveis dos seguintes documentos:

  1. Certidão de Nascimento ou Casamento; (Aluno Estrangeiro: Duplo Diploma precisa traduzi-la)
  2. Carteira de Identidade;
  3. CPF;
  4. Título de Eleitor;
  5. Comprovantes da última Votação (1º e 2º turnos, quando houver) ou Certidão de Quitação Eleitoral emitida através do site do TSE: http://www.tse.jus.br/eleitor/servicos/certidoes/certidao-de-quitacao-eleitoral);
  6. Certificado de Reservista ( não é aceito o Certificado de Alistamento militar);
  7. Certificado de Conclusão do Ensino Médio (frente e verso);
  8. Relação de Alunos concluintes do Ensino Médio publicada no Diário Oficial (com o nome devidamente identificado com caneta ou marca texto).

Somente para formados no Estado do Rio de Janeiro;

No caso de Instituições Federais: o carimbo de isenção da referida publicação no verso do Histórico Escolar;

No caso de CEFET’s e Instituições Militares, especificamente, a cópia frente e verso do Diploma ou Certificado de Conclusão.

Para alunos estrangeiros: Convênio PEC-G e Duplo Diploma ficam isentos dos itens 5, 6, 7 e 8.

Obs. Todos os documentos acima descritos devem estar na validade, para evitar demora desnecessária decorrente das exigências a serem cumpridas.

Ensino Médio ou equivalente concluído no Estado do Rio de Janeiro:

Se a conclusão do Ensino Médio ocorreu após 1985, o colégio deverá publicar a lista dos concluintes no DOU. No caso de instituições federais, o diploma ou o certificado deverá ser autenticado pela própria secretaria, não havendo a necessidade de publicação no DOU (Diário Oficial da União). Se o término do curso foi anterior a 1985, o certificado deverá ser assinado pela Secretaria Estadual de Educação e nos casos de colégios extintos por qualquer motivo, será necessário dirigir-se à Secretaria Estadual de Educação, no Setor Inspetoria Escolar (Rua Erasmo Braga, nº 5 – Centro/Rio de Janeiro).

Para os casos de alunos que já colaram grau, mas não requereram ainda o diploma, é necessário apresentar, além da relação acima, o Histórico de Graduação Oficial da UFRJ.

SEGUNDA VIA OU SUBSEQUENTES

A segunda via do Diploma de graduação poderá ser expedida pelos motivos: extravio, furto ou roubo do diploma de graduação.

A solicitação deverá ser feita no Setor de Diplomas da Escola Politécnica, sendo necessário:

Boletim de Ocorrência do Extravio, furto ou roubo do diploma. É possível fazê-lo na Delegacia online: https://dedic.pcivil.rj.gov.br/

(depois de feito on-line é necessário pegar a ocorrência definitiva assinada na delegacia).

ou

Publicação de um Comunicado de Extravio em um jornal de grande circulação da cidade onde o diplomado possui residência, no qual deverá conter o nome do interessado, da instituição (UFRJ) e da Engenharia cursada;

Modelo:

COMUNICADO DE EXTRAVIO

Eu, xxxxxxxxxxx , comunico o extravio do meu diploma do curso de Engenharia xxxxxxxxx, com o título de Engenheiro xxxxxxx da Universidade Federal do Rio de Janeiro – UFRJ.

Rio de Janeiro, xx de xxxx de xxxxx.

Documentos necessários:

Publicação em Jornal da comunicação do extravio do Diploma ou BOLETIM DE OCORRÊNCIA DEFINITIVO ASSINADO (NÃO PODE SER O PROVISÓRIO);

Originais e Cópias legíveis ou cópia autenticada:
  1. Certidão de nascimento ou casamento;
  2. Carteira de identidade;
  3. CPF;
  4. Primeira via do diploma (frente e verso), se possuir;
  5. Certidão de quitação eleitoral (emitida através do site do TSE) ou cópia do último comprovante de votação – 1º e 2º turno;
  6. Certificado de Reservista (acima de 55 anos não precisa);
  7. Título Eleitoral.

ENTRE OUTRAS ATRIBUIÇÕES, COMPETE AO SETOR DE DIPLOMAS DA ESCOLA POLITÉCNICA

Conferir, após a Colação de Grau, os documentos enviados pelos alunos;

Fazer a abertura do Processo de Diploma no Sistema Eletrônico de Informações (SEI);

Enviar o processo à Divisão de Diplomas da Pró-reitoria de Graduação, após todas as etapas cumpridas e tão logo data de Colação de Grau seja inserida no Histórico;

COMPETE À DIVISÃO DE DIPLOMAS DA PRÓ-REITORIA DE GRADUAÇÃO

Analisar toda a documentação que consta no processo e verificar se está de acordo com as leis vigentes. Preenchido todos os requisitos, o diploma será emitido e encaminhado ao Setor de Diplomas da Escola Politécnica para o cumprimento de exigências, como a assinatura do diretor da unidade e a obtenção do carimbo de reconhecimento do curso. Após isto, a Divisão de Diplomas providenciará o registro do MEC e as assinaturas das autoridades competentes. Uma vez registrado, o diploma será encaminhado em definitivo para a Escola Politécnica.

ACOMPANHAMENTO DO PROCESSO DE DIPLOMA

O próprio egresso poderá acompanhar o andamento do seu processo de diploma pelo Sistema Eletrônico de Informações (SEI).

A RETIRADA DO DIPLOMA

O diploma deverá ser retirado pelo próprio interessado, mediante a apresentação de um documento oficial de identidade. Entretanto, a retirada pode ser feita por um representante, desde que seja por meio de procuração formalizada, com a firma reconhecida da assinatura do diplomado. Além disso, será necessária uma cópia de um documento oficial de identificação do representante, que ficará retida junto à referida procuração.

Em função da pandemia causada pelo COVID- 19, a entrega dos diplomas será feita na recepção da Escola Politécnica (bloco A – 2º andar – CT) mediante agendamento prévio. A porta de vidro estará trancada (por medida de segurança), mas haverá funcionário de plantão. FAVOR TOCAR A CAMPAINHA PARA SER ATENDIDO.

Para agendar a retirada do diploma, favor preencher o formulário:

https://forms.gle/Zew1EaiYMJSrdg1c9

Em caso da necessidade de reconhecimento das assinaturas do Reitor (ou de seu substituto legal) e da Diretora da Divisão de Diplomas, as mesmas poderão ser reconhecidas no Cartório Guido Maciel, na Avenida Nilo Peçanha, nº. 26 – 3º andar, Centro do Rio de Janeiro; e a do Diretor da Escola Politécnica, no Cartório da Avenida Guilherme Maxwell, nº. 516 – loja A/101, Bonsucesso.

OBSERVAÇÕES IMPORTANTES
  • Principais cuidados com o diploma:
  • Assiná-lo com caneta esferográfica preta, de preferência nanquim;
  • Não assiná-lo com caneta cuja tinta seja à base de álcool;
  • Não dobrar;
  • Não molhar;
  • Não plastificar;
  • Não perfurar, grampear ou prendê-lo com clipes;
  • Não colar adesivos;
  • Não deixá-lo exposto ao sol;
  • Evitar contato com areia, umidade e produtos químicos;
  • Evitar atritos e contato com superfícies que possam danificá-lo;
  • Assim como todo documento oficial, uma vez danificado, o diploma perde o seu valor.
DIPLOMA DE DIGNIDADE ACADÊMICA

Anualmente, a UFRJ concede dignidade acadêmica aos alunos que concluíram a graduação e atendem ao conjunto dos seguintes requisitos:

  • Possuir um número de créditos superior a 80% de seu curso; 
  • Ter completado o curso dentro do período de tempo previsto como duração normal; 
  • Não ter sofrido qualquer sanção disciplinar. 

As dignidades são entregues em solenidade especial, estabelecida pela UFRJ, e a concessão desse diploma de dignidade acadêmica, nas suas respectivas modalidades, é feita aos alunos que alcançarem, durante todo o curso, coeficiente de rendimento acadêmico dentro da classificação abaixo, levando-se em consideração as notas de aprovação final do aluno em todas as disciplinas:

  • Summa cum laude, igual ou superior a 9,5;
  • Magna cum laude, igual ou superior a 9,0; e
  • Cum laude, igual ou superior a 8,0.
Procedimentos para solicitação do diploma de Dignidade Acadêmica (atenção para os dois casos a seguir):

1) Aluno(a) da Escola Politécnica que participou de programas de intercâmbio internacional devem comparecer na Diretoria Adjunta de Ensino e Cultura (DAEC), no CT, Bl. A, 2º Andar, Sala 7, munido(a) dos seguintes documentos:

  • Carta endereçada à Congregação da Escola Politécnica, constando seu relato e solicitação;
  • Boletim de Orientação Acadêmica (BOA); e
  • Histórico.

2) Os demais alunos da Poli que não se enquadram no caso 1 devem entrar com o pedido diretamente na Divisão de Registro de Estudante (DRE), situada no prédio do CCMN.

Entre em contato

Dignidade Acadêmica:

Alunos Intercâmbio: daex@poli.ufrj.br 

Outros Alunos: direcao@dre.ufrj.br

Diploma de graduação:

E-mail: diploma@poli.ufrj.br ; daex.diploma@poli.ufrj.br

Telefones: 3938-7497 ; 3938-7668 ; 3938-7891 ; 99357-5264.

Secretaria de Acompanhamento de Egresso:
E-mail: sae@poli.ufrj.br

Links úteis

Sistema Eletrônico de Informações:
https://portal.sei.ufrj.br/