Site UFRJ

 

Untitled Document

Notícias
 
Discurso do Diretor da Politécnica da UFRJ entusiasma calouros do período do primeiro semestre de 2016

 

A Escola Politécnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) recebeu no último dia 18 de março os calouros dos cursos de engenharia do período 2016.1. Na recepção, realizada no auditório da Escola, os novos alunos assistiram palestras ministradas por seus veteranos, que são alunos que fazem parte de inúmeros grupos dentro da faculdade, tais como o Diretório Central dos Estudantes Mário Prata (DCE), e a Associação Atlética Acadêmica da Escola Politécnica.


Calouros trazem novas energias para as engenharias

O diretor e professor da Poli/UFRJ, João Carlos dos Santos Basílio, apresentou uma palestras, especialmente preparada para os alunos deste período, contextualizando as ações educacionais nos parâmetros atuais de um Brasil que tem potencial para absorver mão de obra capacitada, sobretudo para os alunos que conquistaram entrar na segunda melhor universidade de engenharia do país, quiçá, uma das melhores do mundo.

- Esse é um dia muito importante para vocês, e talvez mais importante para a gente, porque estamos recebendo vocês. Assim a Escola se renova -, frisou Basílio -.

Novos alunos na primeira Escola de Engenharia do Mundo

O diretor ainda ressaltou que a Escola Politécnica foi a primeira Escola de Engenharia do mundo, e, dessa forma, e nela, os alunos se tornam parte da história do berço da Engenharia Nacional e da Ciência Nacional. Para Basílio, o aluno quando decide estudar engenharia está realizando um ritual de iniciação para a fase adulta, quando serão necessários grandes sacrifícios para chegar ao final do curso. Enfatizou que a Politécnica busca formar bons profissionais para o mercado de trabalho, e para isso, os alunos precisam se dedicar bastante.

O diretor do DCE, Brenner Oliveira, falou sobre o orgulho que os alunos sentem em fazer parte da Escola Politécnica da UFRJ, e mencionou as crises pela quais a Universidade vem passando. “Contamos com a ajuda de vocês, calouros, para conseguirmos manter nossos direitos e resolvermos nossos problemas, como, por exemplo, a dificuldade que existe para chegar ao Fundão”, comentou Brenner.

A palestra contou ainda com a presença de Leonardo Fernandes, Diretor da Associação Atlética Acadêmica da Escola Politécnica (AAAEP), que também citou em seu discurso o quanto os novos alunos devem se orgulhar de fazer parte da Escola Politécnica. Leonardo apresentou aos calouros a Equipe de esportes da Universidade, mostrando a relevância do grupo dentro da engenharia da Poli/UFRJ. A Associação conta com equipes em nove esportes: basquete, vôlei, futsal, handebol, cano de guerra, tênis de mesa, natação, judô e atletismo. As equipes participam de 13 competições a cada ano.

Politécnica recebe 615 novos futuros engenheiros em clima de entusiasmo

Ao todo, 615 novos alunos foram inscritos para o primeiro semestre de 2016. Não faltaram disposição e a felicidade esteve estampada no rosto dos calouros. Ingressante na Escola Politécnica, a aluna de Engenharia Civil, Bruna Albuquerque, de 20 anos, mostrava entusiasmo durante a recepção.

- Estou mais empolgada ainda depois de assistir à palestra, pois acabei de confirmar que escolhi a melhor faculdade de Engenharia do Brasil -, disse a aluna, lembrando que mulheres estão começando a atuar com mais força nas engenharias, e que ela quer fazer parte dessa história.

O calouro Victor Rodrigues, de 17 anos, também estava orgulhoso ao passar a parte da “melhor Universidade do Brasil no ramo”, segundo ele. “Vou fazer Engenharia Mecânica. Desde pequeno tinha satisfação em montar e desmontar coisas, e por isso escolhi engenharia. Estou feliz demais de concretizar esse sonho aqui na UFRJ”, conta.


Politécnica apresenta aos calouros as atividades da Escola com feira

Após as inscrições, os calouros puderam conhecer um pouco mais da Poli/UFRJ, através de uma feira organizada pela Escola, realizada no hall do Bloco A do Centro de Tecnologia, onde os alunos encontraram estandes com a participação das Equipes de Competição, da Atlética, do projeto Caronaê e do Mutirão de Sangue da UFRJ, por exemplo. Havia também um museu que mostrava a história da Escola e espaço para amostra de projetos. Bem vindos à UFRJ! Bem Vindos à luta e ao sucesso!

CLOQUE AQUI e confira a palestra na íntegra através do na página do Facebook da Escola Politécnica.

 

REDES SOCIAIS:
Compartilhar no FacebookCompartilhar no Twitter

28/03/16
Cequal Assessoria de Imprensa e Comunicação da Escola Politécnica da UFRJ
Jornalista Responsável: Monica Coronel (FENAJ -16423/63/68)
Jornalistas (estagiárias): Giovanna Copolilo e Luiz Rodrigues
Telefones:(21) 3938-7301 e (21) 99618-5738
policequal@uol.com.brredacao@poli.ufrj.br

 
 


 
     Universidade Federal do Rio de Janeiro - Escola Politécnica
     Av. Athos da Silveira Ramos, 149, CT - Bloco A, 2º andar - Cidade Universitária - Rio de Janeiro - RJ - Brasil
     CEP: 21941-909 - Caixa Postal 68529 - Telefone: + 55 - 21 - 3938-7010 - Fax: + 55 - 21 - 3938-7718
Desenvolvido por STI Poli