e-sic

 

 

Acesso à Graduação

Para ingressar em um dos cursos de graduação da Escola Politécnica, o candidato deve realizar o Exame Nacional do ensino Médio (ENEM) do ano anterior e se inscrever no portal do SiSU para participar do concurso de acesso aos cursos de graduação da UFRJ. O portal do Concurso de Acesso aos Cursos de Graduação da UFRJ apresenta as informações sobre este e demais modalidades de acesso aos cursos de graduação realizados pela UFRJ: http://www.acessograduacao.ufrj.br

ALGUMAS PERGUNTAS SOBRE VESTIBULAR - ENGENHARIA:

1 - A Engenharia (Básico) é uma nova modalidade de Engenharia?

Resposta:
Não, a Engenharia (Básico) não é uma nova modalidade de engenharia e sim um processo diferente de entrada para as 12 modalidades de Engenharia da Escola Politécnica; após dois anos de estudos, o aluno fará sua opção pela modalidade preferida;

2 - É possível escolher a Engenharia (Básico) e outra opção qualquer?

Resposta:
Sim, os alunos têm que optar pelos cursos de Engenharia da Escola Politécnica e então escolher as sub-opções. Se um aluno já souber a modalidade desejada, poderá colocar essa modalidade em primeiro lugar e colocar a Engenharia (Básico) como segunda sub-opção. Exemplo: Metalurgia e Básico. Desta forma, se ele não se classificar para Metalurgia, terá após dois anos nova oportunidade de ir para o curso desejado. Caso o candidato não tenha ainda uma idéia de qual modalidade deseja, poderá colocar a opção Básico em primeiro lugar.

3 - No final de dois anos vai ter vaga para todo mundo?

Resposta:
Sim. Irão entrar 100 alunos na Engenharia (Básico). Decorridos dois anos, é garantia de que existirão, no total, pelo menos 100 vagas para escolha, distribuídas dentro das 12 modalidades. Ou seja, ninguém será excluído após dois anos de Escola. No entanto, não se pode garantir vagas para todos numa determinada modalidade. Nesse caso, os alunos serão selecionados para as vagas disponíveis de acordo com dois critérios: o primeiro é o percentual de aprovação num determinado conjunto de disciplinas e o segundo são as notas que obtiverem nessas disciplinas.

4 - A escolha feita influi nas chances de aprovação no vestibular?

Resposta:
Não, isso não ocorrerá em hipótese alguma. Primeiro os alunos são selecionados pela opção principal de curso que fizeram, ou seja, Engenharia. Entrarão nas modalidades de engenharia os 870 melhores alunos, ou seja, aqueles de maiores notas, e que os mesmos serão matriculados na UFRJ. A sub-opção (Civil, Petróleo, Básico, Ambiental, etc.) não tem qualquer influência nessa primeira etapa. Depois que esses alunos já estiverem selecionados, o computador irá processar suas sub-opções, distribuindo-os pelas diferentes modalidades de engenharia, preenchendo as vagas pela ordem de notas obtidas.

5 - Se alguém entrar pela Engenharia (Básico) fará um curso muito diferente dos demais alunos?

Resposta:
Não. Todas as modalidades de engenharia têm um conjunto de disciplinas comuns (cálculos, físicas, computação, etc.). São estas as disciplinas que os alunos da Engenharia (Básico) irão fazer. Depois é que farão as demais. Ao final, terão feito o mesmo conjunto de disciplinas obrigatórias do curso em que se formar. A ordem, o período em que tais disciplinas comuns ocorrem em cada habilitação, no entanto, é um pouco diferente.

 

 


 
     Universidade Federal do Rio de Janeiro - Escola Politécnica
     Av. Athos da Silveira Ramos, 149, CT - Bloco A, 2º andar - Cidade Universitária - Rio de Janeiro - RJ - Brasil
     CEP: 21941-909 - Caixa Postal 68529 - Telefone: + 55 - 21 - 3938-7010 - Fax: + 55 - 21 - 3938-7718
Desenvolvido por STI Poli